PINO DE SUSTENTAÇÃO PARA COLOSTOMIAS EM ALÇA

 

Introdução

  Colostomia é a porção do intestino exteriorizada através da parede abdominal, por onde passam a ser eliminados gases e fezes para uma bolsa externa. Várias alternativas têm sido oferecidas para que haja uma derivação adequada do intestino através dos estomas (aberturas). Para que isso ocorra é imprescindível que um suporte através do mesocólon sustente a alça para fora da cavidade abdominal por alguns dias até que haja aderência cicatricial. Atualmente são utilizadas alças de polietileno, pontes de pele ou de fáscia aponevrótica, bastões de vidro, tubos de plástico, drenos e cateteres. Ainda existem sistemas preparados comercialmente por empresas com esse objetivo, e que utilizam dispositivos de plástico. Alguns autores tem expressado preocupação acerca da dificuldade de manipulação desses dispositivos e sugerido outras intervenções.

 

 

 

 

Objetivos

A presente invenção destina-se a um pino de sustentação destinado a sustentação da alça do cólon exteriorizado e não interferência na adesão da bolsa na pele periestomal em operações cirúrgicas abdominais, particularmente em colostomia em alça.

 

Aplicações e público alvo

Empresas fabricantes de equipamentos médicos e hospitalares.

 

Informações Adicionais

Desenvolvida na Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da Universidade de São Paulo (USP). O pedido de patente está depositado e disponível para licenciamento ou parceria com a USP para desenvolvimento industrial.

 

Estágio de desenvolvimento
 

 

Pedido de patente registrado sob n°PI 0802729-3

 

Informação sobre a PI:
Para mais informações, entre em contato:
Flávia Oliveira Do Prado Vicentin
Universidade de São Paulo
55 (16) 3315-4591
foprado@usp.br
Inventores:
José Joaquim Ribeiro Da Rocha
Palavras-chave:
© 2019. All Rights Reserved. Powered by Inteum