Membranas Condutoras Iônicas de Celulose Bacteriana

 

Introdução

A produção de energia depende bastante da queima de combustíveis fósseis (passíveis de escassez). Algumas alternativas são baterias de estado sólido e células de combustível. Dessa forma, a atenção volta-se para o desenvolvimento de materiais e dispositivos oriundos de matrizes ecológicas e biodegradáveis, com características interessantes, capazes de substituir os materiais existentes.

Objetivos

O objetivo deste trabalho foi o de utilizar membranas de celulose bacteriana como matriz para o desenvolvimento de materiais condutores iônicos. Estas membranas são constituídas de celulose, um material biodegradável  que pode substituir os polímeros sintéticos utilizados atualmente, como o Nafion®.

 

Aplicações e público alvo

• Baterias de estado sólido

• Células de combustível

• Electrocell (http://www.electrocell.com.br)

• General Electric (http://www.ge.com.br)

• Sony (http://www.sony.com.br)

 

Estágio de desenvolvimento
 

Parceiros: UNESP
Patente registrada sobre n° BR102012023857-8

 

Informação sobre a PI:
Para mais informações, entre em contato:
Alexandre Lima
Universidade de São Paulo
alelima@usp.br
Inventores:
Denise De Toledo Bonemerde Salvi
Hernane Da Silva Barud
Agnieszka Joanna Pawlicka Maule
Ellen Raphael
Ritamara Isis De Mattos
Sidney José Lima Ribeiro
Younès Messaddeq
Palavras-chave:
© 2019. All Rights Reserved. Powered by Inteum