MODELO DE AVALIAÇÃO ECONÔMICA DE TECNOLOGIAS DE TRATAMENTO DE ÁGUA POR FILTRAÇÃO DIRETA

 

INTRODUÇÃO
          Embora os avanços em saneamento no Brasil nos últimos anos tenham sido significativos, a situação atual ainda está longe do desejável. Devido à falta de economia de escala, também existe pouco interesse em obras de saneamento em pequenas comunidades, onde boa parte da população brasileira reside. Portanto, para melhor guiar os investimentos na área, é necessário se avaliar os aspectos econômicos de novos sistemas de abastecimento de água.

Nesse sentido, foi estruturada esta ferramenta computacional visando a realização de rotina de cálculo para avaliação e comparação dos aspectos econômicos de sistemas de tratamento de água por filtração direta. Também é analisado o gerenciamento dos resíduos produzidos nas Estações de Tratamento de Água (ETAs). Dessa forma, o programa auxilia na escolha da tecnologia mais viável economicamente dado um cenário escolhido pelo usuário.

A partir de dados de entrada fornecidos pelo usuário são estimados os custos de 30 alternativas de ETA+ETR(Estação de Tratamento dos Resíduos). A comparação entre as diferentes alternativas é importante no sentido de avaliar suas vantagens e desvantagens, além das suas aplicabilidades em diferentes comunidades de pequeno porte.

APLICAÇÕES E PÚBLICO ALVO

          A avaliação econômica de diferentes tecnologias de tratamento de água e dos resíduos produzidos nas ETAs, considerando também métodos construtivos distintos, é uma forma de ajudar os engenheiros projetistas a selecionar a alternativa mais viável economicamente dentre as tecnologias aplicáveis a um determinado cenário, minimizando os gastos em infraestrutura pelo setor público. A ferramenta é voltada para instituições públicas e privadas que atuam no tratamento e abastecimento de água.

               

                Figura: Método de interação de fatores, variáveis e indicadores de seleção de tecnologias de tratamento de água, considerando os resíduos gerados no sistema.   

  ESTÁGIO DE DESENVOLVIMENTO

   

Área: Tecnologias da Comunicação e Informação, Tecnologias Ambientais e Sustentáveis e outros       0057/2019       EESC                                                                                        Polo São Carlos

Patente protegida sob o nº:  BR512019002369-2                                                           eduardobrito@usp.br

 Apoio e Fomento: CAPES                                                                                               www.patentes.usp.br

Informação sobre a PI:
Para mais informações, entre em contato:
Eduardo Vieira De Brito
ADMINISTRADOR
Universidade de São Paulo
55 16 3373 8052
eduardobrito@usp.br
Inventores:
LYDA PATRICIA SABOGAL PAZ
RAQUEL DE CASTRO RODRIGUES LIMA
Palavras-chave:
Custos e Análise de Custo
Estação de Tratamento de Água
Seleção de tecnologia
© 2020. All Rights Reserved. Powered by Inteum