Construção de uma ferramentas para estudar a patogênese causada pelo vírus da Dengue e Rocio

 

Introdução

A dengue é uma doença infecciosa causada pelo vírus da dengue (gênero Flavivirus, família Flaviviridae), e transmitida principalmente pela picada do mosquito Aedes aegypti. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), esta doença é um importante problema de saúde pública em todo o mundo.  Por outro lado, na década dos 70, a emergência de um novo arbovírus causou um importante surto de encefalite no Brasil em 1975, na região do Vale do Ribeira, localizado no sul do estado de São Paulo. Este novo arbovírus foi denominado de Rocio vírus (ROCV), o qual é membro do sorocomplexo do vírus da encefalite Japonesa. Recentemente foi desenvolvido um modelo animal para avaliar a patogênese da doença, observando que o ROCV causa uma inflamação aguda no SNC e que este vírus tem capacidade neuroinvasiva. Mas os mecanismos moleculares envolvidos na neurovirulência e neuroinvasividade ainda não foram investigados.

 

Acessada em 12/01/15 - clique aqui.

Objetivos

Construção de uma ferramenta para investigar a participação de regiões genômicas  na patogenia do vírus Dengue e Rocio.

 

Aplicações e público alvo

a) Estudo de aspectos relacionados a patogênese, tal como determinantes moleculares envolvidos na virulência, e também poderiam fornecer subsídios para futuras vacinas.

b) Servir como DNA molde para gerar um RNA viral transcrito, e serem utilizados controle positivo em diferentes métodos de detecção genômica.

 

Estágio de desenvolvimento
 

Parceiros: FAPESP

Patente registrada sob n° BR 10 2013 011247-0

Informação sobre a PI:
Para mais informações, entre em contato:
Flávia Oliveira Do Prado Vicentin
Universidade de São Paulo
55 (16) 3315-4591
foprado@usp.br
Inventores:
Alberto Anastacio Amarilla Ortiz
Victor Hugo Aquino Quintana
Palavras-chave:
© 2019. All Rights Reserved. Powered by Inteum